Hopi Hari realizou festival com Luísa Sonza, Dany Bond e Lia Clark em celebração da diversidade

O parque temático Hopi Hari, em Vinhedo, realizou neste sábado o “Sumer Pride“, festival de verão que celebra a diversidade LGBTQIA+.

De acordo com os responsáveis, o maior diferencial do Summer Pride em relação aos demais eventos em celebração da diversidade é o ambiente no qual ele está inserido. “É o único festival LGBT em um parque temático no mundo inteiro. Em muitos festivais, principalmente no Brasil, a galera leva o parque até o festival, aqui é o contrário: a gente traz o festival para o parque”, disse em entrevista ao jornalista Tiago Ghidotti do portal de noticias EGOBrazil.

O parque já é conhecido por realizar outros eventos do gênero como o Hopi Pride é “um dia voltado para celebrar o amor, celebrar a diversidade”. Essa preocupação em ser um lugar acolhedor para a comunidade LGBT é diretamente ligada ao bom relacionamento e necessidade de diversidade determinada pelo próprio Hopi Hari. “O parque tem um público LGBT muito fiel, inclusive dentro do quadro de funcionários.


Além dos mais de 40 brinquedos do parque, que já são um show à parte, o público ficou dividido entre as atrações musicais, que juntas somavam mais de 10h de música.

As apresentações foram divididas em dois palcos: o Diversi, na Arena de Eventos, que ficou na parte central do parque; e o Tribaliza, em “Kaminda Mundi”. O primeiro palco contou também com blocos bem conhecidos como por exemplo o Bloco MinhoQueens.

Durante o evento, com exceção da área infantil, os brinquedos do parque estiveram disponíveis aos visitantes até as 20h. Já o Ekatomb, Evolution e Vulaviking funcionaram até as 2 horas da madrugada.

 

Foto/Video: Anderson Torres – EGOBrazil / Divulgação