Basquete Brasileiro da base ao Hall da Fama

O maior campeonato de base do basquete brasileiro categoria sub-14 iniciou no último dia 06 com a cerimônia de abertura e no próximo dia 12/12 conheceremos o clube campeão brasileiro 2021. Sendo sediado na cidade de Belo Horizonte/MG no Olympivo Club, a disputa entre os feras da categoria vem sendo cada dia mais acirrada.

Ao todo, 12 equipes brigam pela taça de campeão: Flamengo-RJ, Pinheiros-SP, Minas-MG, AADB-PE, Olympico-MG, Ginástico-MG, Esperia-SP, Praia Clube-MG, São Paulo-MG, Regatas-SP, Sport-PE e Palmeiras-SP.

As equipes estão concentradas, e como dizem, o jogo é de gente grande, porque este campeonato é aquele revelador de talentos e prospectos que num futuro próximo estarão disputando as olimpíadas e muito provavelmente fazendo parte da nossa seleção brasileira. Todos os olhares estão direcionados para este grupo. Ainda é cedo, chegando às quartas de finais do campeonato, já despontam alguns favoritos:

Lucas Emanuel Milchevski – Flamengo
Pedro Paulo Ferreira – SPFC (o PEPEU como é comentado nas narrações)
Miguel Soares de Souza – Flamengo

Lucas Emanuel Milchevski - Flamengo, Pedro Paulo Ferreira - SPFC e Miguel Soares de Souza - Flamengo
Lucas Emanuel Milchevski – Flamengo, Pedro Paulo Ferreira – SPFC e Miguel Soares de Souza – Flamengo

Todos os jogos são transmitidos ao vivo no Facebook e YouTube do Olympico.

Em paralelo ao campeonato brasileiro interclubes as celebridades da bola laranja continuam escrevendo história, a brilhante Janeth Arcain recebe o Prêmio Adhemar Ferreira da Silva, maior honraria do esporte olímpico do Brasil, e a fantástica Magic Paula é conduzida ao Hall da Fama do COB em cerimônia em Aracaju.

“Magic é mais que vice-presidente e diretora do basquete feminino! É uma peça fundamental para a nossa engrenagem. É talentosa ao extremo, cheia de ideias, corajosa e 100% entregue ao objetivo de recolocar o basquete brasileiro no seu lugar!  Admiro muito a sua postura, suas posições como gestora e tenho certeza que com sua administração, o basquete feminino brasileiro construirá uma nova história! Parabéns, Magic, pela indução ao Hall da Fama do Comitê Olimpico do Brasil!”, comenta orgulhoso o empresário, ex atleta e presidente do comitê brasileiro de basketball – CBB Guy Peixoto Jr.